WWW.ORTODONTIA.ORG
ortodontia

 

Ortodontia é a especialidade da odontologia que lida com o tratamento dos problemas dento-faciais.

Ortodontista é o dentista que após a graduação cursou regularmente uma especialização, mestrado ou doutorado.

O aparelho ortodôntico é a principal ferramenta de trabalho do ortodontista.

O aparelho fixo é a melhor opção quando se precisa fazer movimentação dentária, o que é necessário para o tratamento ortodôntico de adultos e adolescentes.

A ortopedia funcional dos maxilares é indicada para o tratamento de crianças.

A ortopedia funcional é outra especialidade da odontologia e usa estímulos neurais para obter crescimento ósseo facial e correto funcionamento da musculatura facial. Diferente da ortodontia que usa força mecânica para movimentar os dentes

As duas especialidades se complementam e o ortodontista deve saber escolher a melhor opção para tratar cada caso.

A documentação ortodôntica é um conjunto de exames que inclui radiografias, fotografias e modelos de gesso das arcadas.

O ortodontista usa esta documentação para estudar o caso do paciente, fazer o diagnóstico e o planejamento do tratamento, incluindo a escolha do aparelho que será utilizado.

Atualmente temos uma grande variedade de opções de aparelhos ortodônticos como os aparelhos estéticos de porcelana ou safira, o aparelho lingual e os aparelhos auto-ligados.

Depois desta etapa de planejamento o aparelho ortodôntico deverá ser instalado no paciente.

No caso de um aparelho móvel, basta entregá-lo e instruir o paciente sobre o uso e os cuidados com o aparelho.

Nos tratamentos ortodônticos com aparelho fixo será necessário fazer a colagem do aparelho.

Alguns ortodontistas preferem colar as duas arcadas na mesma consulta enquanto outros o fazem uma arcada por vez.

Da mesma forma, alguns preferem usar bandas ortodônticas enquanto outros colam os tubos dos molares diretamente.

Estas variações são normais por que cada profissional tem sua maneira de trabalhar.

Durante o tratamento o ortodontista deve monitorar a evolução do caso e checar se seus objetivos, que foram definidos no planejamento, estão sendo alcançados.

O tratamento ortodôntico costuma durar de dois a três anos, mas existem casos mais simples que podem ser tratados mais rapidamente.

Ao final do tratamento o aparelho é removido e inicia-se uma fase de contenção que é feita normalmente com um aparelho móvel superior e uma contenção fixa superior.

É recomendável fazer uma consulta de revisão anual com o ortodontista para monitorar a estabilidade do resultado.

 

 www.ortodontista.net

ortodontiaFotos dos aparelhosvideos de ortodontiaLinks de ortodontiaEntre em contato